A LINGUAGEM NOS GÊNEROS TEXTUAIS QUADRINHOS: UM ESTUDO SOBRE REPRESENTAÇÕES SOCIAIS DE CORPO

Felipe da Silva Triani, Paulo Sergio Pimentel de Oliveira, Joaquim Humberto Coelho de Oliveira, Cristina Novikoff

Resumo


Neste artigo se investigou como o corpo é ilustrado na linguagem de gêneros textuais, mais especificamente o quadrinho, que se mostra com grande potencial para ser utilizado, desde a Educação Básica até o Ensino Superior. Para cumprir tal objetivo, este estudo investiga quais as representações sociais sobre o corpo se instituem a partir da utilização deste tipo de linguagem. Efetiva-se, deste modo, uma síntese acerca da linguagem, aplicando-se noções de gênero textual com o auxílio teórico-metodológico da teoria das Representações Sociais na análise sobre o corpo. Os resultados permitiram identificar na linguagem dos quadrinhos, indícios de representações sociais do corpo coadunadas com a sua definição referendada na dualidade corpo e alma. Aspectos que se somam para definir o corpo com critérios próprios da beleza, preocupados com a eliminação dos excessos de gordura; com intervenções cirúrgicas de correções do nariz, e também com a apresentação de cabelos alisados e lisos. Identifica-se, assim, em um primeiro momento, nos gêneros textuais dos quadrinhos a presença de uma representação social dicotômica de corpo. Além disso, um modelo de beleza física ilustrada por personagens que incorporaram os padrões estéticos corporais instituídos no imaginário social.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.