PERCEPÇÕES E VIVÊNCIA DE SAÚDE NAS VISITAS DOMICILIARES PARA ACADÊMICOS DE ENFERMAGEM

Queila Cristina Silva de Jesus, Stephanie Fontes de Oliveira, Adriana Bento de Jesus, Ione Andrade Loureiro

Resumo


A experiência da realização da visita domiciliar foi de extrema importância, pois através dela pudemos estar em contato com a realidade do usuário, ofertando além de cuidados, uma escuta qualificada sem a correria de uma unidade de saúde. Essa experiência nos permitiu idealizar a importância do serviço desenvolvido pelas equipes de Saúde da Família, ressaltando assim uma ideia de maior comprometimento com o serviço de saúde, além de credenciar o grande potencial do profissional enfermeiro no processo educativo em saúde. Além de desmistificar sentimentos inapropriados tais como insegurança, ansiedade e medo durante a realização desta atividade. De certo que conforme os períodos foram avançando e a VD foi se tornando uma prática mais presente durante a nossa graduação podemos eliminar a insegurança, a ansiedade e o medo que inicialmente foram detectados. Dessa forma podemos concluir que a vivência no Programa Saúde da Família contribuiu como um aporte para experiências práticas na prevenção e promoção da saúde e nos proporcionou crescimento profissional e pessoal que carregaremos durante toda a nossa trajetória profissional.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.